Como Cuidar de Orquídeas

A orquidea é uma das mais belas flores presentes na Natureza e isso faz com que muitas pessoas se apaixonem por ela. Não só pela beleza e formosura, mas pela sensibilidade que demonstra ter.

Os tipos de orquideas raras então, nos remetem ao mistério da Natureza, melhor da Flora.

Apesar de parecer sensível, elas não são fracas. Precisam de cuidados próprios para cada espécie. O que precisamos entender é que basta replicar o ambiente natural e temos grandes chances de ter nossas flores todos os anos.

Como qualquer planta são necessários cuidados essenciais como:

  • rega na medida certa,
  • devida quantidade de luz,
  • adubos corretos e sempre com nutrientes adequados,
  • saber como evitar e tratar pragas
  • como plantar orquideas em vasos
  • como plantar em árvores
  • que tipos de orquideas vivem em apartamento
  • e outros fatores que definem a floração ou até mesmo a vida dessa flor.

 

👉 Clique Aqui Para Saber todos os Detalhes Essenciais de Como Cuidar de Orquideas!

 

Não podemos negar que não saber cuidar de uma orquídea nos causa o cenário de alegria e tristeza. Parece confuso, mas não é rsrs.

Quando ganhamos ou compramos essa flor recebemos com ela a alegria 🌸🌸🌸, porém como não sabemos o que fazer, os cuidados necessários para manter não só a flor que chegou, mas outras que poderiam nascer, vem a tristeza.

Esse cenário nos remete justamente a fama que ela tem de ser frágil, mas não é … acredite!!!

Veja se já aconteceu contigo …

Assim que ganhamos ou compramos já imaginamos qual será a tentativa de mantê-la viva.  Algumas vezes também fiz isso 😳: cometer o erro fatal de correr e plantar direto na terra, lá no jardim de casa. E na área que pega o sol forte… afff é óbvio que não sobrevivia …

Viu como é mais que importante conhecer o que faz bem pra ela. Quais os cuidados fundamentais pra evitar que morram …

Que tal ir Conhecendo as Orquídeas?!

Conhecendo as Orquideas Phalaenopsis

 

Quer dar os primeiros passos para aprender não só conceitos, mas informações básicas sobre os tipos de orquídeas?!? Realmente aprender os cuidados com orquideas e compreender que são especiais, mas não frágeis veja a dica …

👉DICA EXTRA: Clique Aqui e Conheça TODOS Segredos Para Cuidar de Orquídeas!

Parece até óbvio, mas para se conhecer uma planta o ideal e identificar exatamente seu comportamento na natureza. Em tipos de ambientes ela gosta de viver e se adapta 🙂

Como em todo e bom lar, a Natureza, também oferece as plantas todos os elementos necessários para sobrevivência. Então, tentar chegar ao máximo próximo disso, ou seja, seja em vaso, em troncos. O ideal é fazer o ambiente mais próximo que tem na natureza.

Vamos começar a conhecer essa flor ?!?!

Elas são agrupadas em 3 tipos de flores. Algumas características é que definem em que grupo ela participa baseadas no Tipo de Crescimento.

Grupo das Epífitas:

Conheça as Orquideas Epífitas que crescem em árvores

  • A base do crescimento é se “apoiar” em materiais como os troncos de árvores
  • Outras crescem sobre rochas, que são as litófitas. Porém são em menor parte
  • Aproveitam de árvores (troncos) ou arbustos menores para se fixarem. Isso acontece através das raízes, mas não são parasitas e não causam danos ao seu apoio.
  • A alimentação é feita através dos nutrientes do ar e muitas vezes de galhos que caem. E como as raízes ficam expostas absorvem água, nutrientes necessários

 

Percebe quão importante é entender as necessidades de uma planta!? Se um tipo desse é plantado direto na terra causa o sufoco gerando a morte da orquídea.

Outro detalhe imprescindível é usar a quantidade de água certa para esse tipo, pois elas já “captam” da umidade do ar e também uma exposição menor de luz. São acostumadas com a sombra.

Agora vem a pergunta que tenho certeza que está em sua mente: afinal qual a medida certa de luz, água e adubo?!?!

Afinal, como cuidar de uma orquídea?

É como cuidar de um novo filho. Você não sabe a quantidade de alimento, tratamento ou comportamento, mas a convivência vai aprendendo.

Isso mesmo você vai precisar desenvolver esta relação íntima. Conhecer sua flor em detalhes. Aliás é isso que tornará o cultivo da orquídea tão especial.  Tenha certeza que vai retribuir o amor te presenteando com as flores mais lindas que você já viu, será sua amiga e companheira.

Bom, até aqui você já teve acesso a estas informações e e cuidados básicos necessários, vamos falar um pouco a respeito da melhor forma de cultivo e cuidados em casa.

Como Cultivar Orquídeas em Casa

Sabemos que hoje grande parte das pessoas vive em apartamentos e mesmo que mora em casa já não tem o mesmo espaço que tínhamos há anos atrás. Então é fundamental aprender como cultivar orquídeas em casa ou apartamento.

O primeiro passo é entender que melhor local será mais adequado para ela.

Várias características foram apresentadas e tenho certeza que você entendeu que elas são bem diferentes das demais plantas. Partindo então, para cuidados diferenciados como escolha do local ideal, ou seja, permitindo a orquidea crescer de forma natural e saudável como na natureza.

Como Cultivar Orquídeas em Casa

 

Quer ter orquideas como as da foto acima!?!? Muito simples aprender … veja no Manual Como Cuidar de Orquídeas, por favor não compre ou leve mais orquídeas para casa antes de ler esse manual.

E agora, como saber onde colocar sua orquídea?

Porque sempre vamos ao contrário da Natureza? Prendemos os animais em jaulas e colocamos flores em vasos. Eu sei que não podemos negar que um belo vaso com Orquídeas deixa qualquer ambiente ainda mais maravilhoso e elegante.

Lembre-se que, como já explicamos, alguns tipos de orquídeas necessariamente requerem de condições especiais ou até mesmo, diferenciadas. Em alguns casos, seja necessário que você crie uma área dedicada especialmente para o cultivo.

 

Como cultivar orquideas em vasos

Aqui estão alguns pontos que você deve se antenar para cultivar suas flores:

  • Luminosidade
  • Temperatura
  • Ventilação
  • Umidade

Entendendo qual a quantidade de Luz Ideal

Sempre imaginamos que flores precisam muito de luz, principalmente por conta da fotossíntese, mas no caso das orquideas o florescimento não depende disso, mas claro que é um dos fatores essenciais para que elas consigam produzir flores. Tenha atenção nessa questão da iluminação.

Manual Completo como cuidar de orquídeas

Em outras palavras, veja a escolha  de um local em casa ou no apartamento próximo a janela, porém de uma forma que não fiquem expostas diretamente ao sol, utilizando as cortinas como proteção ou filtro

👉 Excelente Segredo: evite a exposição direta a luz do sol!

Faça o acompanhamento de suas flores, pois essa questão de luminosidade realmente é muito importante. Veja se o local que estão as plantas está adequado. Fique sempre atenta porque elas nos dão sinais que podem nos mostrar se a iluminação está ideal ou não, acompanhe diariamente para perceber algumas mudanças, como por exemplo, se começarem a ficar com as folhas amarelas (sinal de que o local está com excesso de luz). Já se as folhas começarem a ficar escuras é sinal de que está faltando luz no ambiente e como consequência as folhas podem ficar mais longas e  ela pode não florescer.

Percebeu como não é Complicado, como você pensava?

Tendo a iluminação adequada, as folhas sempre vão estar verdes claro com tamanhos similares e brilhantes, com aspecto de vida! E tenha certeza,  que acertar na iluminação é essencial para que elas tenham lindas flores brotando regularmente.

Agora chegou a vez dos Cuidados com a Temperatura

Outro fator que a grande maioria das pessoas que querem começar a cultivar orquideas não sabe: elas não gostam temperatura constante. Inclusive é umas das coisas que podem até impedir delas florescerem. A média de variação é de quinze graus (15º) pelo dia.

Normalmente fora de casa ou em varandas de apartamentos temos essa temperatura. Claro que temos que contar com a temperatura média da região que você mora. Existem regiões que são muito frias, como no sul do país e em outras extremos de calor.

Já dentro da residencia é difícil ter variação, mas de qualquer forma isso é muito importante e podem impedir das flores não brotarem.

E agora como descobrir a temperatura ideal

Podemos usar o mesmo princípio que o da luz está sempre de olho, observando os sinais que a planta nos dá que nos indicam se a temperatura está adequada ou não. Quando colocadas em temperaturas muito baixas as folhas ficam moles e escurecem. Gerando total fragilidade para a planta, até mesmo ficar indefesa na presença de bactérias ou fungos..

Já no caso de altas temperaturas você logo notará que as folhas ficarão amarelas ou pretas, significando que sofreu queimaduras.

Em outros casos, as folhas podem ficar com as pontas de cor castanha e secas. Chegando a ter quedas de folhas ou aparecer folhas deformadas. Elas realmente não “gostam” de calor muito forte. Simplesmente podem não aguentar.

Atenção redobrada no VERÃO e em dias muito quentes.

Sabia que Ventilação Também é Importante?!

Os fatores climáticos umidade e ventilação estão super conectadas. E a falta de ventilação gera o apodrecimento das raízes. Lembre-se da Natureza.

Nela a ventilação é muito boa e as plantas estão acostumadas. Temos que tentar imitar ou reproduzir este ambiente em sua casa ou local de cultivo pois o controle adequado da ventilação e qualidade do ar é muito importante para que cresçam saudáveis.

Recomendações para Cultivo interno: dentro de casa é recomendado abrir as janelas quando o tempo estiver quente, para acontecer a circulação do ar. E em dias sem ventos ou com pouca circulação, podemos produzir essa ventilação com o aparelho ventilador pequeno por perto.

O indicado para a planta é uma brisa suave e constante para diminuir os efeitos do calor excessivo e umidade. E o “tipo de ar” ideal é seco e quente, ventos frios e umidade são prejudiciais e podem provocar manchas e apodrecimento das hastes e botões.

DICA: Aumente os cuidados no inverno porque a água leva mais tempo para evaporar e isto pode ser prejudicial causando apodrecimento e outros males..

Atenção a qualidade do ar

Assim, como para o ser humano a qualidade do ar é importante para as plantas também. Cuidados como evitar fumar perto dela ou manusear com tabaco nas mãos pode contaminar.

A melhor indicação para ter uma excelente qualidade do ar é “escancarar” bem as janelas pro ar entrar e circular. E também investir em filtros de ar, porque a função deles é remover sujeira, poeira e outros poluentes, mas não removem gases.

Quer Aprender Qual a Dose Ideal de Água?!?!

Que está começando a cultivar orquídeas tem várias dúvidas a respeito da rega das plantas. Tenho um segredo bem simples: regar apenas quando o substrato estiver seco!

Como Regar Orquídeas

Voltamos aqui ao ponto que não podemos esquecer que as orquídeas absorvem a água do ar, então o ar é fundamental nesse processo. Lembre-se que precisa regar suas plantas com ar e água…

Parece até estranho, mas é a verdade! Ao regar deve-se combinar os dois(ar e água), pois se não tiver ar suficiente, provavelmente vai ter umidade em excesso que pode fazer com que o meio apodreça e fique susceptível a doenças causadas por infecções e fungos.

INDICAÇÃO PODEROSA: a definição da frequência que vai regar dependerá da temperatura e umidade.

Regar quando o substrato estiver seco! Fique alerta que em dias de sol forte e muito calor a água evapora bem mais rápido.

Como saber quando precisa regar !??!

Uma dica é verificar o peso da planta molhada e também seca. Quando perceber que está leve é porque precisa regar.

Ou usar o dedo com aproximadamente 2,5 centímetros para dentro do substrato. Assim conseguirá não só sentir, como verificar a umidade, Se estiver seco é o momento de regar.

INDICAÇÃO PODEROSA: para gerar a oportunidade da planta secar, use água morna no início do dia ajuda bastante!

Isso vai ajudar a diminuir a chance de apodrecimento. Não precisa ter receio de regar com bastante água, basta ter cuidado. Vai regando e olhando atentamente o substrato. Regar é extremamente necessário, algumas pessoas acham que basta borrifar um pouco de água, mas a verdade é que isto não substitui uma rega boa.

Você já pode começar a cuidar de suas orquídeas com as dicas que passei até aqui, mas atenção, como já expliquei antes estamos falando de uma flor muito especial e que requer vários outros cuidados, todas as dicas acima eu aprendi em um Manual Super Completo Sobre Orquídeas, neste manual tem muitas outras explicações e dicas sobre os cuidados  com orquídea, para saber mais clique no link abaixo:

👉Clique Aqui Agora para ler mais no MANUAL COMPLETO DE COMO CUIDAR DE ORQUÍDEAS!

 

Clicando acima você vai aprender sobre TODOS os cuidados especiais que as orquídeas precisam durante cada uma das 4 estações do ano, como adubar, combater pragas e muito mais.. Então não se atenha somente as dicas que passei aqui nesta página!

No vídeo abaixo você pode conferir mais dicas de um outro especialista no assunto:

 

Para ver mais vídeos de especialistas com dicas extras como estas Clique Aqui!